Quinta-feira, 12 de Maio de 2005
Direito de Preferência
Consultório Jurídico

Inicia-se esta semana um novo espaço no nosso jornal, da responsabilidade da Dr.ª Elisa Santos*, no qual os nossos leitores poderão colocar as suas dúvidas de âmbito jurídico


Este Consultório Jurídico visa informar os leitores sobre o Direito e a sua aplicação, mas não pode, pela sua natureza, constituir aconselhamento jurídico relativamente a casos concretos, nem pode ser considerado substituto de uma consulta a um advogado

Nesta primeira publicação quisemos prestar alguns esclarecimentos sobre o Direito de Preferência, por nos parecer um assunto de interesse geral.

O Direito de Preferência apresenta-se em duas vertentes distintas.

 Relativamente aos prédios urbanos gozam do direito de preferência os arrendatários (inquilinos) no caso de venda do prédio ou fracção autónoma. Não há todavia, direito de preferência entre a venda de fracções autónomas. Ou seja, se o proprietário do apartamento ao lado do seu pretender vender o dito apartamento, Vª. Ex.ª não goza do direito de preferência. Resumindo só os inquilinos de prédios urbanos ou de fracções autónomas (apartamentos) gozam sobre estes, do direito em causa.

 Relativamente aos prédios rústicos, ou seja, terrenos agrícolas, gozam do direito de preferência, os proprietários confinantes (proprietários que confrontam com o prédio a vender) e ainda o ou os arrendatários do referido prédio, se os houver.
Se existirem várias pessoas com interesse em preferir, serão abertas licitações, sendo o prédio vendido a quem apresentar o melhor preço.
Mas atenção.
Por um lado só existe direito de preferência na venda de prédio rústico se o prédio a vender possuir área inferior à “unidade de cultura”, que na nossa zona corresponde a 2 hectares para as culturas arvenses; 0,5 hectares no caso dos hortícolas e 3 hectares para as zonas de sequeiro (Portaria 202/70 de 21 de Abril)

*Advogada

Envie as suas dúvidas jurídicas para: consultorio.juridico@sapo.pt ou para a redacção do Noticias de Chaves, São Fraústo 5400-283 Chaves.


publicado por Elisa Santos às 18:54
link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De Daniel a 10 de Maio de 2017 às 15:20
Boa tarde
Havendo um ribeiro entre terrenos rústicos pode ser impedido o direito preferência?
Mt grato desde já.
Daniel


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Julho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


posts recentes

Cancelamento de Matrícula

A dupla nacionalidade, po...

Direitos de Personalidade...

Os Serviços de Higiene, S...

O Subsídio de Desemprego

A ASAE

As Novas Regras do Crédit...

O Acesso ao Direito e aos...

A Acção Popular

As Obrigações Solidárias

arquivos

Julho 2013

Janeiro 2012

Julho 2009

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds